A - I n f o s

a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **
News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts Our archives of old posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Catalan_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Francais_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkurkish_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_
First few lines of all posts of last 24 hours

Links to indexes of first few lines of all posts of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014 | of 2015 | of 2016 | of 2017 | of 2018 | of 2019 | of 2020 | of 2021 | of 2022

Syndication Of A-Infos - including RDF - How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups

(pt) France, UCL AL #328 - Cultura, Leia: Roumier e Mahieux "Poder, política, movimentos sociais", Les Utopiques n°19, março de 2022 (ca, de, en, fr, it, tr)[traduccion automatica]

Date Fri, 1 Jul 2022 08:37:22 +0300


Reabrir um debate antigo nunca é fácil. As relações entre os órgãos do poder, a política, os sindicatos e os movimentos sociais são complexas, e as interpenetrações múltiplas. Por trás dessas questões está uma questão essencial: a da autonomia do movimento social, da busca de uma saída política para as lutas. ---- Independência, autonomia ou subserviência do movimento sindical aos partidos políticos : essas questões perpassam os movimentos sociais e continuam a polarizar os debates entre aqueles que querem mudar a sociedade.
Este novo número da revista Les Utopiques nos oferece, como de costume, visões, sensibilidades, experiências cruzadas e reflexões mais voltadas para a política em torno da Carta de Amiens (que, votada pela CGT em 1906, atribui ao sindicalismo a " dupla tarefa , diariamente e para o futuro " visando transformar o mundo enquanto lidera a luta de protesto imediata), em torno do programa comum de governo, o papel das lideranças sindicais.

Sindicalistas da CGT e Solidaires se perguntam juntos sobre essas saídas políticas equivocadas que foram a eleição presidencial de 1981, a relação da CGT com o Partido Comunista Francês, da CFDT com o Partido Socialista em 1974. O tempo presente não é esquecido, com análises dos municípios " alternativos " (através do exemplo de Grenoble) ou o plano do coletivo "Mais Nunca Isso".

Diversas contribuições internacionais trazem outras perspectivas, outras práticas, outros vínculos com a política na Grã-Bretanha, no Brasil ou na Espanha. Tudo é complementado por uma abordagem feminista das relações com o poder e as desigualdades. Ao lado do arquivo central, outro momento importante: o das estratégias sindicais contra a extrema direita.

Como você deve ter entendido, esta questão é rica em matéria de reflexão. Plural em suas abordagens, como o movimento social, sempre reformulando, redescobrindo-se na riqueza de seus componentes.

Dominique Sureau (UCL Angers)

Théo Roumier e Christian Mahieux (coordenação), Les Utopiques no 19, Syllepse, março de 2022, 192 páginas, 10 euros.

https://www.unioncommunistelibertaire.org/?Lire-Roumier-et-Mahieux-Pouvoirs-politique-mouvements-sociaux-Les-Utopiques
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe https://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt
A-Infos Information Center