A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2015 | of 2016 | of 2017 | of 2018 | of 2019 | of 2020 | of 2021

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) Mulheres Resistem RJ:1º de maio é dia de luta de todas as mulheres trabalhadoras! - Mulheres Resistem RJ (en)

Date Sun, 9 May 2021 09:31:20 +0300


Hoje, em mais um dia de luta e resistência, chegamos a esse 1º de Maio - Dia de luta da classe trabalhadora - em meio a um duro contexto para as/os trabalhadoras/es em nosso país. Vivemos tempos de assustadora intensificação e aprofundamento da crise econômica e social provocada pela política de morte neoliberal, somada há mais de um ano à pandemia da COVID-19. Passamos da marca de 400.000 vidas perdidas para um vírus que já poderia estar controlado, das 14 milhões de pessoas desempregadas dependentes de um auxílio emergencial irrisório, com uma taxa de informalidade do trabalho em cerca de 40%. Também nas alturas estão as taxas de ocupação dos hospitais, o preço e lotação dos meios de transporte, o custo de vida. Nós, como mulheres trabalhadoras, adicionamos a esses números alarmantes o crescimento da violência de gênero, a inquestionável sobrecarga das múltiplas jornadas, o peso das tarefas de cuidado. As violências racistas, homofóbicas e transfóbicas adicionam inúmeras camadas de opressão e precarização da nossa classe. Também é fundamental falar dos nossos direitos reprodutivos. Em um país em que o aborto é criminalizado, deixando milhares de mulheres expostas a um verdadeiro feminicídio de Estado, ouvimos o governo sugerindo que não é o "momento para engravidar". Como se escolher fosse um direito de todas. Hoje muitos lares enfrentam a dor do luto e o desespero da fome e desemprego. Mais uma vez, a importância de uma histórica data de luta é reforçar que mesmo diante das maiores dificuldades temos a escolha do caminho da resistência, do apoio mútuo e da solidariedade. Não são poucos os exemplos de fortalecimento e ajuda entre as/os trabalhadoras/es, que nos mais diversos locais de trabalho e moradia vêm organizando a luta diária contra todo e qualquer tipo de injustiça e opressão e pelo direito de sobreviver e existir. Nós, do Mulheres Resistem - RJ, reforçamos que o dia da luta da classe trabalhadora é o dia de exaltar a importância da confiança na força das nossas mãos, pois é dessa força que desde sempre impulsionamos as mais diversas lutas, nas cidades, no campo, nos bairros, nas favelas e periferias. Esse mais que nunca esse deve ser o nosso horizonte: o de afirmação da esperança em um outro mundo possível, construído com a força da nossa coragem e solidariedade!

https://www.facebook.com/mulheresresistemrj/posts/209923170938827
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt
A-Infos Information Center