A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2015 | of 2016 | of 2017 | of 2018 | of 2019 | of 2020 | of 2021

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) [Espanha] O Estado reprime novamente a luta anarco-sindical By A.N.A.

Date Tue, 13 Jul 2021 10:26:04 +0300


Rejeitamos como injusta e desproporcional a sentença de três anos e meio de prisão e 150.000 euros contra sete sindicalistas da CNT Gijón. ---- Rejeitamos categoricamente a sentença que conhecemos contra sete companheiros da CNT de Gijón, aos quais o juiz os condenou a 3 anos e meio de prisão e o pagamento de 150.000 euros de indenização. É um claro aviso do judiciário ao anarco-sindicalismo que opta pela ação direta e pelo confronto social contra a submissão ao poder. ---- Esta sentença, que será legalmente apelada e contestada das ruas por não poder ser de outra forma, estabelece um grave precedente. Por meio desta decisão judicial é anunciado publicamente que, ou a ação sindical inspirada no anarco-sindicalismo deve passar por aceitação prévia, ou haverá repressão, duramente aplicada com penas de prisão e penas elevadas. Felizmente, nós anarquistas ainda temos uma arma de defesa: apoio mútuo e solidariedade de classe.

O tribunal penal número 1 de Gijón, com sentenças anteriores contra outros trabalhadores que no passado desenvolveram lutas militantes nas Astúrias contra o capitalismo e o Estado, condenou cada um dos sete réus a três anos e meio de prisão pelos crimes de coação e obstrução à justiça. Também obriga os sindicalistas a compensar a empresa com 150.428 euros, declarando o sindicato CNT como responsável vicarialmente. O oitavo réu, um ativista catalão sem-teto que esteve em Gijón um dos dias dos comícios, foi condenado a oito meses de prisão por gravar um vídeo e publicá-lo em sua página do Facebook, sob o crime de coerção.

Daqui, todo nosso apoio a esses companheiros e o seu sindicato. Coragem e incentivo nestes tempos difíceis para os trabalhadores.

Para contribuir financeiramente para os custos legais existe uma conta aberta pela CSA La Justicia neste link (No conceito deve ser escrito ‘La Suiza'):

https://laxusticia.noblogs.org/fondo-de-solidarida-obrera-de-la-felguera/

Federação Anarquista Ibérica - FAI
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt
A-Infos Information Center