A - I n f o s

a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **
News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts Our archives of old posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Português_ Russkiy_ Serbo-croatian_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe
First few lines of all posts of last 24 hours

(sup) (pt) Pode o Federalismo resolver todos os Conflitos?

From "Francisco Trindade" <ft@franciscotrindade.pt>
Date Sun, 9 Nov 2003 13:35:12 +0100 (CET)


________________________________________________
A - I N F O S N E W S S E R V I C E
http://www.ainfos.ca/
http://ainfos.ca/index24.html
________________________________________________

Apresentamos a Actualização de Novembro do site
http://www.franciscotrindade.com
Com a introdução de um novo texto intitulado
Pode o Federalismo resolver todos os Conflitos?
Procurar pelo link Novidades
Segue-se excerto do texto que pode ser lido na íntegra em
http://www.franciscotrindade.com.
Responsável técnico máximo, como de costume
José Carlos Fortuna.

Proponho-me aqui examinar o substrato filosófico da questão. Mas antes de
tudo o que significa esta questão: " Pode o Federalismo resolver todos os
Conflitos?" O federalismo, lança de ferro da filosofia política
proudhoniana, vê-se investido da função quase mágica de resolver o
espinhoso problema da paz perpétua, ou numa linguagem marxista, de por um
termo à luta de classes? Duma maneira geral, a preocupação de Proudhon é
realmente de chegar a uma solução que põe definitivamente termo a todo o
conflito, e por isso, parece, a toda a história? A procura duma
finalidade meta-histórica é programaticamente inscrita no seu projecto
político?
Tal parece ser o desígnio de Proudhon. Numa carta do maior interesse,
Proudhon confessa a Guillaumin da sua intenção de encontrar o meio de
instaurar uma "reconciliação universal". Trata-se, escreve ele, de fundar
um sistema filosófico que alcance " a reconciliação universal pela
contradição universal". Este texto capital deixa entrever toda a
dificuldade.


Saudações proudhonianas
Até breve
Francisco Trindade




********
The A-Infos News Service
News about and of interest to anarchists
********
COMMANDS: lists@ainfos.ca
REPLIES: a-infos-d@ainfos.ca
HELP: a-infos-org@ainfos.ca
WWW: http://www.ainfos.ca
INFO: http://www.ainfos.ca/org

To receive a-infos in one language only mail lists@ainfos.ca the message
unsubscribe a-infos
subscribe a-infos-X
where X = en, ca, de, fr, etc. (i.e. the language code)