A - I n f o s

uma agência de notícias multilínguas de, por e para anarquistas **
Notícias em todos os idiomas
Últimas 30 mensagens (Portal) Mensagens das últimas duas semanas Nossos arquivos de mensagens antigas

As últimas cem mensagens, por idiomas em
Castellano_ Català_ Chinês_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Grego_ Italiano_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

Primeiras Linhas Das Dez últimas Mensagens
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe


Primeiras linhas de todas as mensagens das últimas 24 horas
Indices das primeiras linhas de todas as mensagens dos últimos 30 dias | de 2002 | de 2003
| de 2004 | de 2005 | de 2006 | de 2007 | de 2008 | de 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014 | of 2015 | of 2016 | of 2017 | of 2018

(pt) [Espanha] CGT condena o massacre de Israel contra o povo palestino e se soma à comemoração do ‘Dia da Terra' By A.N.A. (ca, en)

Date Sun, 8 Apr 2018 09:08:32 +0300


Israel assassina 20 palestinos e fere 1.500 pessoas que comemoravam pacificamente o ‘Dia da Terra' ---- A Confederação Geral do Trabalho (CGT) condenou através de um comunicado os últimos acontecimentos violentos que se produziu contra o povo palestino por parte do governo israelense. ---- A organização anarcossindicalista denuncia que Israel continua atuando com total impunidade, e com o beneplácito da Comunidade Internacional, contra pessoas desarmadas que reivindicavam o direito ao retorno das pessoas refugiadas. Segundo a CGT, "o governo israelense volta a atuar abusivamente contra uma população cujas maiores armas são pedras e sua própria vida". ---- A CGT também se somou à celebração do ‘Dia da Terra', que evoca desde 1976 o assassinato de seis cidadãos pelas forças ocupantes israelenses durante umas manifestações contra o confisco de terra.

Este ano houve a convocação de 6 semanas de protestos até o dia 15 de maio, a ‘Nakba' ou Dia da Catástrofe, quando o povo palestino foi submetido ao exílio pelas forças de ocupação sionistas.

A CGT manifesta que todos os povos têm direito de decidir livremente e que esta convocatória "não é uma guerra", mas um ato pacífico de reivindicação de um povo totalmente desarmado que só reclama seus direitos mais elementares. Neste sentido, o Estado de Israel não pode lançar seu exército contra pessoas indefesas nem muito menos se pode seguir consentindo que a Comunidade Internacional se mantenha impassível ante acontecimentos tão graves contra um povo que só reclama as terras que lhes foram roubadas.

Gabinete de imprensa do Comitê Confederal da CGT

Fonte: http://rojoynegro.info/articulo/sin-fronteras/cgt-condena-la-masacre-israel-el-pueblo-palestino-se-suma-la-conmemoraci%C3%B3n-de

Tradução > Sol de Abril
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt