A - I n f o s

uma agência de notícias multilínguas de, por e para anarquistas **
Notícias em todos os idiomas
Últimas 30 mensagens (Portal) Mensagens das últimas duas semanas Nossos arquivos de mensagens antigas

As últimas cem mensagens, por idiomas em
Castellano_ Català_ Chinês_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Grego_ Italiano_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

Primeiras Linhas Das Dez últimas Mensagens
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe


Primeiras linhas de todas as mensagens das últimas 24 horas
Indices das primeiras linhas de todas as mensagens dos últimos 30 dias | de 2002 | de 2003
| de 2004 | de 2005 | de 2006 | de 2007 | de 2008 | de 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014 | of 2015 | of 2016 | of 2017

(pt) [Argentina] Lançamento: Amor e anarquismo. Experiências pioneiras que pensaram e exerceram a liberdade sexual, de Laura Fernández Cordero By A.N.A. (en)

Date Fri, 20 Oct 2017 09:50:57 +0300


Temas como o gênero e a sexualidade conseguiram uma visibilidade tal na agenda pública que só registramos sua atualidade imediata, como se não tivessem história ou como se ela se remontasse apenas a poucas décadas atrás. Nesta obra, Laura Fernández Cordero recupera experiências libertárias que faz mais de um século desafiaram formas da intimidade, o amor e a união afiançadas pelo Estado ou a Igreja. Assim, expõe o ideário do anarquismo na Argentina, que lutava para transformar as relações econômicas e políticas, mas também as familiares e afetivas. Seus militantes buscaram o fim do matrimônio, que viam como uma forma de prostituição e escravidão, e imaginaram amores livres em que, sem mandatos a eternidade, homens e mulheres exploravam relações múltiplas, simultâneas, com a premissa de um encontro pleno e consensual entre iguais.

Com formidável pulso narrativo, a autora traça um panorama fascinante dos debates e das vivências de quem, em posse da revolução social, encontraram formas novas de viver sua identidade, o amor e o erotismo. Vemos então mulheres que, em 1896 e nos anos de "a Patagônia trágica", sustentaram a denúncia contra a violência que sofriam nas fábricas tanto como em seus lares. Também as peripécias de uma colônia anarquista no Brasil, onde um trio praticou em 1890 a versão mais audaz do amor livre. Ou a um destacado ácrata que celebrou como triunfo da liberdade sexual o adultério de sua jovem esposa, enquanto outras vozes do anarquismo se assustavam com as mulheres liberadas e desejantes.

Longe de uma complacência fácil ou de um anacronismo que aplaine a espessura de cada conjuntura, este livro expõe a enorme potência mas também as contradições dessas expressões, que questionavam todos os parâmetros morais, mas consideravam que o aborto ou a homossexualidade eram excessos a evitar. Com rigor e frescura, percorre uma história pouco conhecida, que oferece perspectiva para ponderar as mutações do presente.

"Amor e anarquismo. Experiencias pioneras que pensaron y ejerceron la libertad sexual"

Laura Fernández Cordero

240 págs. | 14 x 21

ISBN 978-987-629-764-6

Setembro de 2017

sigloxxieditores.com.ar

Tradução > Sol de Abril
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt