A - I n f o s

uma agência de notícias multilínguas de, por e para anarquistas **
Notícias em todos os idiomas
Últimas 30 mensagens (Portal) Mensagens das últimas duas semanas Nossos arquivos de mensagens antigas

As últimas cem mensagens, por idiomas em
Castellano_ Català_ Chinês_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Grego_ Italiano_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

Primeiras Linhas Das Dez últimas Mensagens
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe


Primeiras linhas de todas as mensagens das últimas 24 horas
Indices das primeiras linhas de todas as mensagens dos últimos 30 dias | de 2002 | de 2003
| de 2004 | de 2005 | de 2006 | de 2007 | de 2008 | de 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014 | of 2015 | of 2016 | of 2017

(pt) Grécia, União Sindical Libertária de Tessalônica [Grécia]Os operários mortos de nossa classe e os lucros dos patrões e do Estado By A.N.A. (ca, en, it, fr) [traduccion automatica]

Date Thu, 21 Sep 2017 08:11:19 +0300


Os operários mortos de nossa classe não procedem somente dos setores da construção e da alimentação, nos quais houve muitos "acidentes" mortais no inverno passado. Este verão, por conta de milhões de euros dos lucros dos patrões, apenas no setor turístico, nós tivemos mortos em todos os setores de trabalho. Limpadores, silvicultores, motoristas de caminhões, empregados em aeroportos, pessoas que trabalham com empilhadeiras, assim como trabalhadores em portos, foram alguns dos casos dos trabalhadores que nunca retornaram para casa, ou que por 300 ou 600 euros perderam suas vidas em valas, ruas, aeroportos, portos, fábricas e minas. ---- No capitalismo todos os trabalhadores são cifras recicláveis, seja em períodos de "crise" ou de "desenvolvimento" econômicos. Na crise econômica os patrões usam o pretexto dos lucros "reduzidos" e além de cortar os salários eliminam qualquer medida de segurança que possa existir. No cobiçado desenvolvimento, por eles, o aumento dos lucros está por cima de qualquer possibilidade de assegurar medidas de segurança para os trabalhadores.

As empresas nem sequer pensam em explicar tudo isso, e sua suposta "profunda tristeza" é menos que o custo das medidas de segurança para os trabalhadores.

Não arriscamos nossa vida por nenhum patrão e nenhum desenvolvimento. Reivindicamos com dignidade e combatividade nossos interesses operários. Memória e raiva pelos mortos de nossa classe.

União Sindical Libertária de Tessalônica

O texto em grego:

http://ese-thessalonikis.gr/index.php?view=article&catid=16:2008-12-22-13-50-41&id=234:2017-09-03-07-41-23&format=pdf
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt