A - I n f o s

a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **
News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts Our archives of old posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Catalan_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_
First few lines of all posts of last 24 hours

Links to indexes of first few lines of all posts of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014

Syndication Of A-Infos - including RDF - How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups

(pt) France, Alternative Libertaire AL #233 - Alienação domingo: Nossos domingos não estão à venda (en, fr)[traduccion automatica]

Date Wed, 08 Jan 2014 11:14:19 +0200


Desde setembro, a grande mídia colocado sob os holofotes um exército de voluntários empregado-es para trabalhar à noite, domingo. Esta "mobilização", amplamente promovida pelas empresas, no entanto deve ser reduzida para a sua proporção justa. ---- Sephora foi condenado 23 de setembro pelo Tribunal de Recurso de Paris, próximo às 21h da noite sua loja no Champs-Élysées. O perfumista desrespeitado o trabalho proíbe lei noite para esse tipo de atividade desde 1996. Cem empregado es 300 (4000 em todo o sinal) processaram os sindicatos por trás da decisão judicial. No Castorama e Leroy Merlin, condenado a fechar uma dezena de lojas sob uma sanção pecuniária a queixa de um dos seus concorrentes, apenas 15% dos funcionários que estão envolvidos no trabalho aos domingos. A Monoprix, finalmente, é a CGT, a maioria, que exerceu o seu direito de oposição, nos termos de um acordo que empurrou o fechamento de uma centena de lojas às 22h.

Voluntariado forçado

Se o empregado que trabalhar aos domingos são muitas vezes voluntária, pode ser explicada pelos baixos salários no setor: um terço do pessoal Sephora é a tempo parcial (embora a marca dobrou seu volume de negócios cinco anos) ea maioria dos funcionários-es dessas lojas de bricolage ganham menos de 1.300 euros líquidos por mês. Outra razão para muitos estudantes, é necessário trabalhar em fins de semana, geralmente em detrimento de seus estudos. No entanto, não é para se opor aos outros voluntários, mas é claro que a maior parte dos empregados do comércio está determinado a não vender seus domingos e noites em nome da liberdade de trabalho.

Banalização

Esses funcionários devem entender que eles não vivem em uma ilha deserta amanhã banalização do domingo e trabalho nocturno, será um dia de trabalho como qualquer outro ... e sem marcação. Este é o caso, por exemplo, hotéis e restaurantes onde o Domingo é considerado uma programação regular. Disponibilidade para trabalhar no domingo também corre o risco de tornar-se um critério de contratação: era a Virgem e os Champs-Élysées, aberto sete dias por semana até a meia-noite, para finalmente fechar [ 1 ] ...

A resposta está em execução

O Inter-Click-P, o alto sucesso icônico fechando Sephora, começou uma campanha de visibilidade (conferência de imprensa e de exibição) para responder a essa lavagem cerebral, preparando novas atribuições empresas e eventos ofender. A partida de comitê FO deve mudar nada como membros do Sindicato dos Empregados no Comércio e Indústria (SECI), excluídos da CFTC como muito combativo para Unsa. CFDT favorece meios contratuais, ainda desmentiu Monoprix. O comércio CGT, que tem o maior número de trabalhadores sindicalizados no setor, e da Solidariedade está determinado a colocar o pacote.

LD

[ 1 ] AL ver n º 225 jan 2013 AL n º 229 jun 2013
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/cgi-bin/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt


A-Infos Information Center