A - I n f o s

a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **
News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts Our archives of old posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Catalan_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Francais_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkurkish_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_
First few lines of all posts of last 24 hours

Links to indexes of first few lines of all posts of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2014 | of 2015 | of 2016 | of 2017 | of 2018 | of 2019

Syndication Of A-Infos - including RDF - How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups

(pt) luta fob: [RMC] Solidariedade às vítimas da Vale em Brumadinho (MG) Por Rede de Mídia Classista (RMC/FOB)

Date Thu, 31 Jan 2019 09:56:04 +0200


Uma barragem da mineradora multinacional Vale rompeu na tarde desta sexta-feira em Brumadinho (Minas Gerais), causando uma avalanche de lama e rejeitos de minério de ferro que soterrou parte da comunidade da Vila Ferteco, área rural do município. A empresa criminosa Vale informou que, no momento do crime, havia 427 trabalhadores da empresa no local. Segundo dados do Corpo de Bombeiros pelo menos 9 pessoas morreram. Foram resgatadas com vida 189 pessoas, mas os bombeiros estimam cerca de 355 pessoas desaparecidas: entre 100 e 150 na área administrativa situada nas proximidades da barragem que rompeu; 30 na região da Vila Ferteco; aproximadamente 35 na Pousada Nova Estância; e entre 100 e 140 na região do parque das cachoeiras. As perdas de vidas animais e da biodiversidade vegetal são imensas. Mais um revoltante capítulo de nossa histórica de genocídio e ecocídio realizados pelas elites saqueadoras e assassinadas!

Os interesses do projeto neoextrativista do PT/PMDB possuem agora uma política de continuidade e aprofundamento pelo governo Bolsonaro (PSL) que fala com todas as palavras de garantir acima de qualquer coisa os lucros das burguesias nacional e internacional: garantir lucro a custo de extinção de comunidades, exploração de trabalhadores, impactos socioambientais. Os Governos de Minas Gerais são também responsáveis pela flexibilização do licenciamento ambiental para o funcionamento das barragens, assim como lucra com o gerenciamento dessas empresas, através da arrecadação do Fundo de Pensão e articulações do BNDES.

Para lutar contra isso, são necessárias a auto-organização e resistência dos povos e comunidades atingidas pelos projetos extrativistas/neodesenvolvimentistas e o rompimento com a via eleitoreira e reformista! Para barrar os assassinatos no campo e na cidade, para impedir o avanço da política burguesa, é necessário a união pela base e pela luta dos movimentos indígenas, estudantis, sindicais, comunitários, camponeses. Vivemos um momento decisivo de ataques profundos aos direitos do povo. Por outro lado se torna um momento fundamental para reorganizar a luta classista e combativa!

Lutar pela garantia de terra, moradia e uma vida livres da mineração!

Greve geral contra o fascismo de Estado e pelos direitos do povo!

Reconstruir o sindicalismo revolucionário!

https://lutafob.wordpress.com/2019/01/26/rmc-solidariedade-as-vitimas-da-vale-em-brumadinho-mg/
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt
A-Infos Information Center