A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement

The First Few Lines of The Last 10 posts in:
Greek_ 中文 Chinese_ Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006 | of 2007 | of 2008 | of 2009 | of 2010 | of 2011 | of 2012 | of 2013 | of 2015 | of 2016

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) [Espanha] Noelia Cotelo Riveiro: Bem-vinda à rua By A.N.A.

Date Tue, 20 Sep 2016 20:19:26 +0300


Uma magnífica notícia: Noelia Cotelo Riveiro foi por fim libertada. Soltaram-na anteontem, sábado 10 de setembro. Após oito anos de reclusão em celas de isolamento, sofrendo o desumano regime FIES[unidades de isolamento]em grau máximo, Noelia, presa anarquista que havia sido condenada a um ano e quatro meses de prisão quando tinha 19 anos de idade, por fim pode reunir-se e recuperar-se com sua gente. Pagou mais do que triplicado a dívida arbitrária que lhe havia imposto o Estado por atrever-se a de safiá-lo. As greves de fome, os maus tratos, as ameaças de morte dos funcionários que teve que suportar, ficaram para trás. ---- Afortunadamente já não nos faz falta esta pichação[foto]em uma parede de Madrid. Noelia está fora. Trataram de tapar a pichação com cal muitas vezes, mas a legenda "Noelia Cotelo Libertad" insiste em mostrar-se. Que terminem já de branquear a parede; necessitamos mais paredes para gritar a liberdade dos companheiros que ainda seguem no cárcere.

Agora já poderás ler "Vivendo Minha Vida" de Emma Goldman, Noelia. Teus carcereiros te proibiram o livro "por razões de segurança" quando tua mãe o enviou ao cárcere. Esses carcereiros não tinham razão mas sim motivo; sabiam bem o que faziam. "A liberdade não descerá até as pessoas; as pessoas terão que subir até a liberdade", dizia Goldman. Tu soubeste subir até a liberdade a custa de perder oito anos de tua juventude entre surra s, torturas e vexações frente às quais te manteve erguida com valor. Um preço dolorosamente alto, do qual espero que seja ressarcida.

Bem-vinda à rua, Noelia. Nas ruas nos encontraremos. Eles, teus carcereiros, verdugos da humanidade, seguirão ali, ruminando nos miseráveis presídios que custodiam, longe da liberdade que só concebem em seus pesadelos. A liberdade de todos os presos, a liberdade de todos os seres humanos. Teremos que seguir subindo até ela.

Saúde e anarquia, companheira. A saúde que trataram de te roubar e que deves recuperar, e a anarquia que traremos graças a exemplos como o teu.

Fonte: http://pasabaporaquiymedije.blogspot.com.br/2016/09/noelia-cotelo-riveiro-bienvenida-la.html

Tradução > Sol de Abril
_________________________________________
A - I n f o s Uma Agencia De Noticias
De, Por e Para Anarquistas
Send news reports to A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
Subscribe/Unsubscribe http://lists.ainfos.ca/mailman/listinfo/a-infos-pt
Archive http://ainfos.ca/pt
A-Infos Information Center