A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) ACORDOS DA PLENÁRIA DA ASSEMBLÉIA POPULAR DOS POVOS DE OAXACA [ca ]

Date Thu, 9 Nov 2006 22:05:07 +0100 (CET)


[Oaxaca - 1º de Dezembro] Chamado à Insurreição Pacifica Popular Nacional

6 de Novembro de 2006. -ACORDOS DA PLENÁRIA DA ASSEMBLÉIA POPULAR DOS
POVOS DE OAXACA.

- Escrito por Imprensa em Notícias, Boletins de Imprensa

ACORDOS DA PLENÁRIA DA ASSEMBLÉIA POPULAR DOS POVOS DE OAXACA

ACORDOS:

1.- A Assembléia Popular dos Povos de Oaxaca ratifica seu compromisso com
o Povo e reitera sua decisão de continuar na Luta até atingir a saída de
URO do governo do Estado.

2.- em matéria de Segurança Pública propomos os seguinte:

a) Cessação imediata de todos os altos comandos e de médio nível das
polícias estatais e sua substituição por comando federais.

b) Criação de um Conselho Cidadão de Vigilância que determine e
supervisione a ação das diferentes corporações policiais, ficando a
procuração da justiça em mãos da Mesa de Incidências.

c) A vigilância da cidade deverá ficar em mãos dos comitês de Vigilância
Popular.

d) As corporações policiais estatais e federais devem evitar patrulhas e
atuar conforme requerido pela mesa de incidências e conselho cidadão.

e) Depuração e profissionalização da polícia.

f) Aquertelamento total das polícias estatal e federal.

g) Exigimos a saída imediata da PFP do Estado.

h) Fazer chegar ao governo estas reivindicações através da comissão de
enlace existente.

3.- Exigimos a detenção imediata dos capangas, pitos, agentes das
diferentes corporações policiais, etc., que cometeram crimes contra o
movimento, bem como a indenização e reparação de danos contra os afetados.

4.- Que se desbloqueie o Periférico e o Cruzeiro de Cinco Senhores para
transladar a barricada e cobrir todo o perímetro de C.U., para isto uma
comissão da Direção Coletiva da APPO e a comissão de Segurança [...]
convocam uma homenagem aos caídos no Cruzeiro de 5 Senhores no dia em que
esta for levantada.

5.- Exigimos respeito e devolução ao 100% do sinal de Rádio Universidade.

6.- Se convoca a uma reunião entre a direção Coletiva da APPO e o CES da
Seção XXII.

7.- Se faz um chamado fraterno aos delegados setoriais a cumprir com sua
assistência à Assembléia Plenária.

8.- Se lembra fortalecer o plantão em Santo Domingo e o Plantão no DF como
tarefas estratégicas da APPO.

9.- Fortalecer e garantir a segurança de CU por todas as organizações
sociais, sindicatos, colonos, etc.

10.- A posição política da APPO será proposta em todo momento pela
Comissão de Imprensa e propaganda da Direção Coletiva da APPO, integrada
por Bernabé, Luzeiro, Florentino e Rosendo.

11.- Respaldamos completamente a atitude combativa do colega Víctor Cruz
Elorza, que decidiu continuar com a Greve de Fome e retomamos o acordo de
relevar a todos os grevistas de fome para poder continuar com esse
plantão.

12.- Se continua exigindo através dos diferentes meios de comunicação a
nosso alcance que Vicente Fox resolva o caso de Oaxaca.



TAREFAS

1. - Fortalecer as atividades e tarefas encaminhadas à realização do
Congresso Constitutivo da APPO.

2. -A Direção Coletiva apresentasse um relatório político ao Congresso.

3. - Estabelecer no Plantão de Santo Domingo uma mesa de Registo de
credenciamento para os delegados ao Congresso.

4. - Apresentar para a seguinte reunião a demanda preliminar ante a PGR
contra a URO pelos crimes e assassinatos cometidos contra a APPO.

5.- Abrir conta da Rádio Universidade para receber donativos.


PRONUNCIAMENTOS:

Nos deslindamos dos atentados ocorridos no dia de hoje no Distrito Federal
e manifestamos que a APPO é um movimento independente de qualquer partido
ou movimento externo, qualquer que seja seu caráter.

Pronunciamo-nos pelo esclarecimento do assassinato do colega Bradley
Ronald Hill pelas mãos dos capangas de Ulises Ruiz.

Fazemos um reconhecimento à importante contribuição que os colegas da
greve de fome fizeram à APPO que hoje, por causas extremas tiveram que
levantá-la e respaldamos a decisão do colega Victor Cruz Elorza de seguir
com a greve até o final.

Contra o diretor da Faculdade de Medicina e autoridades universitárias que
estão obrigando os estudantes de diferentes níveis da UABJO a assistir à
Marcha da Vergonha.

Pronunciamo-nos contra a radio ?cidadã? por ser uma rádio que incita
violência entre oaxaquenhos e reiteramos que a APPO é um movimento social
pacifico que não procura jogar povo contra o povo.

Pronunciamo-nos pela liberdade imediata e incondicional dos presos de
Xanica, de Loxicha, de Catarino Torres, Pedro Castillo, Isabel Almaraz e
todos os presos políticos e de conciencia.

PLANO DE AÇÃO.

Jejuns em embaixadas

Mobilização coordenada em todos os níveis

Bloqueios regionais de estradas

7 de novembro
- Mobilização de mulheresou
- Tarefas preparativas ao Congresso

8 de novembro
- Tarefas preparativas ao Congresso

9 de novembro
- Encontro de Jovens e expressões culturais pela Autonomia
- Tarefas preparativas ao Congresso

10, 11 e 12 de novembro
- Congresso Constitutivo da APPO

20 de Novembro
- Mobilização Estatal

1º de Dezembro
- Chamado à insurreição Pacifica Popular Nacional



[fonte digital http://www.asambleapopulardeoaxaca.com/boletines/]

Tradução: Coletivo Periferia

_______________________________________________
A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
http://ainfos.ca/cgi-bin/mailman/listinfo/a-infos-pt
http://ainfos.ca/pt


A-Infos Information Center