A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) A PLEBE 46 - ÓRGÃO de Divulgação do SINDIVÁRIOS/Federação Operária de São Paulo/Confederação Operária Brasileira

Date Thu, 22 Jun 2006 16:19:15 +0200 (CEST)


Ligada a Associação Internacional dos Trabalhadores (A.I.T-I.W.A.)
Caixa postal: 1933/CEP: 01009-972/São Paulo/SP
E-mail: fospcobait@yahoo.co.uk

NACIONALISMO: A COR DA PELE É ALGO BANAL QUANDO A CAVEIRA QUE SOMOS É
SINAL DE IGUAL!

O nacionalismo constitui-se como uma forma de consciência de grupo, de
pertencer a uma nação, como ideologia baseada na valorização da nação -
como forma de organização política e social baseada na soberania nacional.

O nacionalismo pressupõe elementos como a independência da nação, a
lealdade dos indivíduos à nação, entre outros. O nacionalismo se baseia
nos laços familiares, tribais ou de clã. Ele surge entre as pessoas quando
o pensamento predominante é o de conseguir a dominação. Começa na família:
um membro afirma sua autoridade para conquistar a liderança. Uma vez
conquistada, o indivíduo estende essa liderança. Assim, as famílias também
tentarão conquistar a liderança na comunidade. Da competição entre as
famílias, se gera o orgulho nacional entre as famílias que disputam,
dependendo do caso, um orgulho maior racial, religioso e de soberania
sobre as outras famílias . O nacionalismo se baseia na competitividade e
conquista. Esta conquista cria uma luta entre as pessoas e nações.

O nacionalismo também pode ser despertado nas pessoas algumas vezes por
discórdias entre nações - que na verdade encobrem interesses econômicos de
minorias - como no caso onde a Petrobras ?rouba? o gás boliviano há muitos
anos, explorando até que a Bolívia decide acabar com a festinha
imperialista da Petrobrás. Detalhe: a Petrobras comprava por 1 e vendia
por 10, depois por 100.

O nacionalismo também é despertado nas pessoas em questões de disputas
esportivas como, por exemplo, as olimpíadas e a copa do mundo, onde o
mundo inteiro veste as cores de sua nação e torce para que ela seja melhor
do que as outras. O paises param, para assistir os jogos. O investimento
nas seleções é bilionário, enquanto um torcedor fanático - que financia
tudo isso - não tem o que comer, nem onde trabalhar. Torcidas entram em
conflito por sua seleção, sua nação, enquanto os empresários contam os
lucros.

Essa forma de vida baseada em domínio, autoritarismo, obediência e
fanatismo gera cada vez mais conflitos e guerras. Nós anarkistas negamos
totalmente essa forma opressora de se viver. Somos contra as fronteiras e
lutamos pela igualdade entre os povos de todo mundo, baseado em uma
sociedade libertária e autogestionária, onde os trabalhadores tenham total
vínculo em nome do bem estar de todo mundo e não apenas de um espaço de
terra demarcado como nação. Por isso chamamos todos os que lutam contra o
fascismo a se unir para quebrar o ovo da serpente numa demo na Pça. Ramos
para a segunda quinzena de junho.

Núcleo ANTI-FASCISTA



_______________________________________________
A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
http://ainfos.ca/cgi-bin/mailman/listinfo/a-infos-pt


A-Infos Information Center