A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005 | of 2006

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) FORUM IBÉRICO DA FESAL PORTUGAL NA GUARDA [ca, en, it, f r]

Date Mon, 27 Feb 2006 08:05:35 +0100 (CET)


FEDERAÇÃO EUROPEIA DE SINDICALISMO ALTERNATIVO
www.fesal.it
FORUM IBÉRICO NA GUARDA
GUARDA 26 DE FEVEREIRO 2006
O Fórum Ibérico da Guarda, de 3,4 e 5 de Março próximo,
vai se realizar na sede do ?AQUILO? e vai ser uma
ocasião de colocarmos em comum as nossas experiências
no combate pelos objectivos que são partilhados por
todos nós. Desejamos discutir e tomar resoluções com
vista criar ou melhorar as condições existentes, para
uma intervenção activa, autónoma e auto-organizada em
defesa de uma série de pontos, entre eles:

A) A Escola enquanto espaço público, enquanto espaço
cultural, que não deve estar na dependência das
lógicas empresariais que os governos, influenciados
pelo neo-liberalismo, querem impor. A defesa de outra
pedagogia, baseada numa atitude igualitária,
respeitando a essência e desejos dos indivíduos,
promovendo a troca igual de saberes e de experiências,
rompendo com as lógicas hierárquicas, em crise no
interior da instituição escolar.

B) A defesa dos trabalhadores, através da autogestão
das suas organizações e das suas lutas. Em particular,
incidirá a nossa atenção nos problemas e modo de
abordá-los para os sectores em circunstâncias mais
precárias - os jovens, as mulheres, os imigrantes -
relacionando a defesa dos seus direitos com um combate
global contra a globalização capitalista e todo o
aparelho político-institucional da U.E., enquanto
expressão regional dessa mesma globalização.

C) A defesa do ambiente e do ecossistema, tanto no
presente como no futuro, conjugada de modo inseparável
com a denúncia de uma sociedade construída em moldes
não sustentáveis e depredadores, causadora de enorme
sofrimento e injustiça, numa escala nunca vista.

Sendo certo que todos os efeitos do capitalismo estão
debaixo dos nossos olhos, poucos estão convictos da
efectiva possibilidade de uma saída para este modo de
produção e de exploração. Assim, a criação de pólos
organizados de uma rede de luta anti-capitalista e
anti-autoritária, deverá permitir a subida progressiva
da consciência das pessoas marginalizadas (na verdade,
a quase totalidade da população), mostrando-lhes que é
possível fazerem algo, utilizando os instrumentos da
democracia directa e da acção directa (ou não mediada).
Com organização, as pessoas irão sentir-se fortes e
auto-confiantes para constituir alternativas viáveis ao
estado de coisas vigente.

_______________________________________________
A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
http://ainfos.ca/cgi-bin/mailman/listinfo/a-infos-pt


A-Infos Information Center