A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004 | of 2005

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) Brasil. Jornal Pétala Negra

Date Wed, 5 Oct 2005 15:18:02 +0200 (CEST)


O Pétala Negra (PN) é feito e mantido pelo FAO-SP (Fórum do Anarquismo
Organizado-SP), tem periodicidade bimestral, conta com 8 páginas no
formato tablóide e uma tiragem de 4 mil exemplares (a partir do PN 10 que
deve sair em fins de Outubro, o formato passa a ser Germânico).
Com o apoio de grupos integrantes do FAO-Brasil, temos planos para em
breve expandir seu conteúdo nacional, com matérias sobre os grupos do
FAO-Brasil e seus trabalhos regionais, retomar sua bimestralidade (até
inicio de 2005) aumentar seu espaço físico (tornando-se germânico e
aumentando o número de páginas) e sua tiragem.

Veja abaixo um pouco da história do jornal:

:: Pétala Negra # 01 - julho de 2003 ::

Após muito planejamento, a Rede Libertária da Baixada Santista (RLBS)
consegue no meio de 2003 lançar o primeiro número do jornal PN, já com 4
mil exemplares, se tornando o principal meio de comunicação do grupo com a
população e com o próprio movimento anarquista brasileiro.
Nesse jornal de estréia, o PN publica a Carta de Princípios da RLBS;
Denuncia o nepotismo dos vereadores do Guarujá (SP) e o alto preço/má
qualidade dos ônibus; Reflete sobre a paz e a democracia capitalista;
Resgata nossa história na chegada do homem branco e a primeira parte do
texto sobre o movimento operário em Santos; E Poesias.

:: Pétala Negra # 02 - setembro de 2003 ::

O PN #1 anunciou ser trimestral, mas esse segundo número saiu em apenas 2
meses e já anunciando ser bimestral. Nele encontramos logo na capa uma
cobrança à Lula, que prometeu em época de campanha eleitoral a legalização
da moradia em Conceiçãozinha (bairro ocupado no Guarujá/SP), e uma análise
de seu primeiro ano de governo; Discute sobre organização no meio
anarquista, pedagogia libertária (mostrando a história do cursinho
pré-vestibular da Vila Fátima, bairro periférico de São Vicente/SP); Uma
singela homenagem à Roberto Marinho; A segunda parte do texto ?Memória dos
trabalhadores de Santos?; Mais Poesias e Humor Negro.

:: Pétala Negra # 03 - novembro de 2003 ::

Sempre com muita precaução, a RLBS só aumentou o número de páginas no
terceiro número: de 4 páginas tablóide para 8 também tablóides, sendo que
as duas centrais ficaram sob responsabilidade do Coletivo LER (Liga de
Educação e Resistência). Contando também com militantes da RLBS, o LER
tinha como principais atividades o cursinho pré-vestibular, curso de
alfabetização de jovens e adultos e cursos de línguas estrangeiras, tudo
na comunidade da Vila Fátima.
Nessas 8 páginas fizemos uma denúncia às mineradoras que prejudicavam os
índios de Itanhaém; A análise da Alca, transgênicos, Historicismo e
Historicidas; Dicas de sites anarquistas; Relato do nascimento do Coletivo
LER e do Centro Acadêmico 11 Setembro; Considerações de uma professora
iniciante; A segunda parte da ?História do Cursinho Pré-Vestibular?; Uma
pequena contribuição ao FAO; Notas internacionais; A terceira e ultima
parte da ?Memória dos Trabalhadores de Santos?.

:: Pétala Negra # 04 - janeiro de 2004 ::

No começo de 2004 publicamos a declaração final do II FAO; Denunciamos o
crescimento de favelas na região e a "pilantropia" da Unisantos;
Analisamos a situação do lixão de Praia Grande e as falsas cooperativas;
Resgatamos a participação das mulheres no teatro operário de Santos; E
mais poesias, resenhas, notas internacionais e dicas de espaços
libertários.

:: Pétala Negra # 05 - março de 2004 ::

Após perder o espaço onde exercia seu trabalho, o Coletivo LER se
desintegrou. Com isso, todas as 8 páginas do Pétala Negra voltaram a ser
de total responsabilidade da RLBS. Nesse número a RLBS divulga o novo
Comitê Contra a Alca da Baixada Santista; Analisa as eleições municipais,
as ocupações na Zona Noroeste, a educação na FEBEM e o sindicalismo em
Santos; Publica "Lixão de Praia Grande (parte II)"; Discute sobre a
propaganda e militância social; Sempre intercalado com poesias, resenhas,
Humor Negro etc.

:: Pétala Negra # 06 - maio de 2004 ::

No #6 denunciamos as péssimas condições na área da saúde que levou
funcionários estaduais à greve e o espancamento de um trabalhador em
sessão do descarrego da Igreja Universal; Analisamos o A20, Maio de 68, 1o
de Maio e a importância das palestras nas escolas; O Coletivo LER explica
como perdeu seu espaço; Mais poesias, resenhas, Humor Negro, informes
sobre o FAO e a campanha Anti-Alca;

:: Pétala Negra # 07 ? agosto de 2004 ::

Este PN, por motivos financeiros, saiu com um mês de atraso. Nele
publicamos a declaração do FAO estadual (SP); Denunciamos a Globo, o
jornal local A TRIBUNA, a Reforma Sindical, o altíssimo custo de vida na
região e as péssimas condições no bairro Vila Gilda. Mais informes, Humor
Negro e resenhas.

:: Pétala Negra # 08 ? fevereiro de 2005 ::

Um longo período separou o PN7 do PN8. Um dos motivos para isso foi o duro
trabalho na estruturação interna do FAO-SP, mas o motivo principal foi sem
dúvida a falta de dinheiro para destinar à publicação.
A partir desse número a RLBS contou com o apoio do FAO-SP para a confecção
do jornal e o boletim Combate Anarquista, que era editado mensalmente pelo
Luta Libertária, passa a ser uma coluna fixa no PN para discutir questões
referentes ao movimento anarquista ou fazer uma análise conjuntural sob
uma ótica anarquista. Este primeiro Combate Anarquista dentro do PN
discute a eleição para as prefeituras. O jornal homenageia Anita e Carlo
Aldegheri; Mostra a luta contra o aumento das mensalidades na Unisantos, a
tentativa de golpe no processo eleitoral do Sindicato dos Metalúrgicos, a
nefasta Reforma Universitária proposta pelo governo, as condições
precárias em que vivem as presas da cadeia de Arujá (SP), o desastre dos
Centros Educacionais Unificados criados pela Marta Suplicy e mais informes
sobre os Comitês Anti-Alca, o movimento estudantil e o Alto do Tietê (SP),
Humor Negro, Resenhas e Poesias;

:: Pétala Negra # 09 ? agosto de 2005 ::

Mais uma vez o jornal teve uma longa demora em sair e mais uma vez os
motivos foram os mesmos: o trabalho de se organizar internamente enquanto
FAO-SP e a falta de grana.
Nesse número, que acabou de sair, o jornal deixa de ser somente da RLBS e
passa a ser de inteira responsabilidade do FAO-SP. Um grande passo para
avançar a unificação desses grupos e indivíduos que formam o FAO-SP, e um
grande passo também para o jornal que deixa de ter suas matérias regionais
somente da Baixada Santista e passa a cobrir todo o estado de São Paulo.
Voltam a ser temas do PN: o péssimo transporte público na BS, outra
tentativa de golpe nos Metalúrgicos de Santos, a CUT, o PT e o 1º de Maio;
Analisamos as eleições no sindicato dos professores do estado de SP
(Apeoesp) e o 3° Encontro Latino Americano de Organizações Populares
Autônomas (ELAOPA); Discutimos sobre Sindicalismo Revolucionário e
Anarco-Sindicalismo; E apresentamos a Associação dos Cortiços do Centro de
Santos (SP).

Campanha

Estamos iniciando uma Campanha visando os objetivos expostos no decorrer
desse resumo da história do PN, hoje com dois anos de vida. Com todos os
problemas, as perspectivas são as melhores possíveis, pois agora
praticamente sanados os problemas de organização interna do FAO-SP,
podemos ter um grupo que pense uma política para o PN e que possa
estreitar os contatos com o intuito de alcançar as metas previstas.

Também contamos com o apoio de você ou de seu grupo para continuarmos e se
possível avançarmos com esse jornal. Seja nosso cúmplice nessa empreitada,
não deixe morrer o único, atualmente, jornal anarquista do Brasil. Adquira
um pacote entrando em contato pelo e-mail: petalanegra_rlbs@yahoo.com.br
ou pela Caixa Postal 99 ? Santos-SP ? 11010-010.

Caso deseje comprar o pacote assim que sair, nos mande um e-mail
expressando essa intenção, pois a cada pétala mandaremos uma mensagem
solicitando a confirmação via boleto bancário.

Pacote com 50 ? R$20,00;
Pacote com 30 ? R$17,00;
Pacote com 20 ? R$15,00;
Pacote com 10 ? R$13,00;
Unidade ? R$2;

Se desejar, também pode assinar o PN pelos próximos três números,
previstos para Outubro de 2005, Janeiro de 2006 e Março de 2006

Pacote com 50 ? assinatura por três números R$55,00;
Pacote com 30 ? assinatura por três números R$45,00;
Pacote com 20 ? assinatura por três números R$40,00;

Ou ainda pode assinar o pacote com 10 PN ou a unidade, por seis números;
Pacote com 10 ? assinatura por seis números R$60,00;
Unidade seis números ? 12 reais.

Email:: petalanegra_rlbs@yahoo.com.br

_______________________________________________
A-infos-pt mailing list
A-infos-pt@ainfos.ca
http://ainfos.ca/cgi-bin/mailman/listinfo/a-infos-pt


A-Infos Information Center