A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 40 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Català_ Deutsch_ Nederlands_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ The.Supplement
First few lines of all posts of last 24 hours || of past 30 days | of 2002 | of 2003 | of 2004

Syndication Of A-Infos - including RDF | How to Syndicate A-Infos
Subscribe to the a-infos newsgroups
{Info on A-Infos}

(pt) [Brasil] DIA DE LUTA NOS 450 ANOS DE SP

From "profosp" <profosp@bol.com.br>
Date Mon, 26 Jan 2004 16:26:08 +0100 (CET)


______________________________________________________
A - I N F O S S e r v i ç o de N o t í c i a s
Notícias sobre e de interesse para anarquistas
http://ainfos.ca/ http://ainfos.ca/index24.html
________________________________________________

JORNADA LIBERTÁRIA DE PROTESTO/SP
Em meio a uma multidão de mais de 500.000 pessoas
reunidas da Av. 23 de Maio até o Anhangabaú, durante os
festejos oficiais pelos 450 anos da cidade de São
Paulo, promovidos pela prefeita Martaxa/PT, realizou-se
uma manifestação de protesto contra o desemprego/PELO
DIRETO AO TRABALHO. A manifestação, originariamente
proposta pelo Movimento dos Tralhadores Ambulantes, com
o apoio do Movimento pela Reconstrução da COB/AIT
(Núcleo PROFOSP/COB-ACAT/AIT) que tem entre seus
ativistas e simpatizantes camelôs e trabalhadores
desempregados, foi o ponto culminante de uma série de
agitações locais contra o desemprego, o imposto
sindical e a ALCA, na preparação para as JORNADAS
LIBERTÁRIAS DE PROTESTO em Porto Alegre, em fevereiro.

Em função da forma como se posicionou a repressão
policial não conseguimos realizar a proposta original.
A idéia seria se concentrar atrás do palco, no próprio
vale do Anahangabaú, perto do Viaduto do Chá, onde
fariamos um comício com panfletagem e na hora que
fossem começar os discursos oficiais da 'festa'
irromper em frente ao palco com dois bonecos a frente,
um de Lula e outro da prefeita Marta - ambos com nariz
de Pinochio. Mas o palco foi cercado e isolado com
cercas e barreiras policiais num raio de 250 metros,
justamente na área em que iriamos nos concentrar. Com
isso houve uma grande dispersão que nos levou a
improvisar alternativas: centramos nosso material e
agitação no Anhangabaú, próximo a Av. São João - como
ponto de aglutinação, e nos dividimos em grupos que
passaram a realizar mini-comícios e panfletagens no
próprio local do show e no percurso interditado da Av.
23 de Maio.

A atividade como um todo aglutinou cerca de 50
ativistas (entre ambulantes, sindicalistas
internacionalistas ligados a PROFOSP/COB-ACAT/AIT e
simpatizantes). Posteriormente faremos um balanço mais
detalhado. No momento o essencial é destacar alguns
aspectos:

1) O Movimento dos Ambulantes de São Paulo(MASP) é uma
articulação relativamente recente e surge como uma
alternativa a mais de 200 associações de camelôs e
ambulantes que existem na cidade, a grande maioria
ligada a esquemas de corrupção e envolvendo partidos
políticos. Algumas, ligadas historicamente ao PT, são
hoje fantasmas, depois que seus 'ativistas'
foram 'contratados' para serem fiscais da prefeitura
(?!?). O MASP tem características de auto-organização,
ação direta e apartidarismo (que compõe a base de nossa
carta de princípios) e já abraçaram a campanha de
denúncia da farsa eleitoral.

2) Fomos os ÚNICOS a marcar posição ativa de luta
contra o desemprego, contra a perseguição aos que lutam
e contra a farsa eleitoral. Muitos partidos, inclusive
os da famigerada esquerda, e sindicatos estavam
presentes entre os convidados oficiais. Dentro do
movimento sindical fomos reconhecidos, pelos próprios
ambulantes, como o único setor que tem manifestado
apoio desde o início das agressões iniciadas em março
de 2003 pela prefeitura. E, dentro desse contexto, os
únicos que estão propondo uma organização autônoma de
trabalhadores, frente ao Estado, aos partidos e aos
patrões.

3) Mais do que a importante bandeira em defesa do
DIREITO AO TRABALHO, na luta contra o desemprego, essa
manifestação lança um grito de alerta para a classe
trabalhadora: a temporada eleitoral se iniciou, não
acreditem nas mentiras dos políticos profissionais e
dos governantes! Tal é o teor do manifesto amplamente
distribuído (10.000 cópias e mais 2.000 cópias de
edições do A PLEBE). Por isso entendemso que com essa
manifestação está lançada em São Paulo a Campanha
Nacional Pelo VOTO NULO, cujo calendário de atividades
deverá ser tirado nas Jornadas Libertárias de Protesto
em Porto Alegre/RGS.

> Abaixo texto do manifesto distribuído nos mini-
comícios no dia 25/01 na região do Anahangabaú:

ANIVERSÁRIO DE SÃO PAULO
VOCÊ ESTÁ COMEMORANDO O QUE?

O aniversário de 450 anos da maior cidade da
América Latina, a cidade mais famosa do Brasil, uma
cidade que foi construída com a participação dos
trabalhadores de todos os estados brasileiros, uma
cidade onde abundou o progresso e meuitos cidadãos
imigrantes fixaram aqui sua residência.

Hoje a cidade de São Paulo está devastada pela
submissão do Brasil ao sistema capitalista, que com uma
política das mãos vazias desemprega os trabalhadores de
diversos setores e os conduzem para o mundo da exclusão
social.

O imperialismo internacional massacra nosso povo
em nome da paz, da globalização e diversas ações que
mantém o nosso país no subdesenvolvimento, no atraso e
na subserviência, em meio a discursos de incluir nosso
país no rol dos "desenvolvidos".

Conforme todos os dias a mídia notícia, aumenta
a violência, a fome e a miséira. A cada dia que passa o
povo é esmagado com o arrocho salarial, perda do poder
aquissitivo, outros perdem o emprego e a condição de
ter uma moradia e são forçados a morar na rua sem a
mínima condição de vida. Alguns partem para a
criminalidade. Outros tentam sobreviver na economia
informal, de forma digna e honesta, comprando
mercadorias e vendendo nas ruas de São Paulo.

Os trabalhadores ambulantes que lutam de todas
as formas para garantir a sua sobrevivência são
masssacrados pelo sistema capitalista que utiliza os
termos das leis burguesas e se apoiam nos políticos
eleitoreiros para reprimir os trabalhadores ambulantes.

É assim que vemos que num ano eleitoral aparecem
os políticos mais canalhas desse país promovendo esse
grande evento a fim de hipnotizar a mente do povo e
induzi-lo a continuar votando, para que o povo continue
no cabresto deles.

Acorda companheiro(a) abra os olhos e DIGA NÃO!
para essa corja de canalhas! Não permita que trafiquem
com seu voto! Diga não ao processo eleitoral, DIGA NÃO
AO IMPERIALISMO!

Durante mais de 20 anos o PT enganou o povo
brasileiro e continua enganando com as suas políticas
mentirosas e demagógicas. O povo brasileiro elegeu o
Lula presidente da república acreditando estar votando
na mudança em relação ao país.

Mas o povo não entendeu porque os mesmos
oportunistas que o massacraram na época do F.H.C., são
os mesmos que estão ligados ao Lula e toda a cúpula do
PT. É por esse motivo que Lula continua com a mesma
política imperialista de FHC. É por esse motivo que o
Lula-FMI só vive viajando e inventando uma mentira e
uma lorota por onde quer que passe. O Lula-FMI não tem
dinheiro para realizar os projetos sociais que o povo
precisa, mas o dinheiro para pagar os juros da dívida
esterna, ah, isso eles tem! As reformas tributária e
previdenciária foram feitas para isso!

Aqule mesma dívida externa que ele criticou
durante mais de 20 anos!

Diga não à prefeita Marta Suplicy, diga não ao
Lula-FMI, diga não a todos os políticos eleitoreiros!
Viva a luta por um país independente e liberto
de suas amarras!

Obs: Este movimento não está ligado a nenhum sindicato,
associação ou partido político.

Movimento dos Ambulantes de São Paulo

Apoio:
PROFOSP/COB-ACAT/AIT

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Obs: Queremos assinalar a presença e o apoio de anarco-
punks, punks anarkistas e de ativistas ligados ao CCMA
e ao COLETIVO LIBERTÁRIO.

- contra o desemprego:
PELA REDUÇÃO DA JORNADA DE TRABALHO PARA 6 HORAS
DIÁRIAS, 30 HS SEMANAIS, SEM REDUÇÃO SALARIAL!

- pelo sindicato livre:
CONTRA O IMPOSTO E A CONTRIBUIÇÃO SINDICAL!

PELA RECONSTRUÇÃO DA COB/ACAT-AIT!!!

- abaixo o capitalismo:
CONTRA A ALCA E O IMPERIALISMO!
CONTRA AS GUERRAS IMPERIALISTAS!
(paz entre nós, guerra aos senhores!)
CONTRA A GLOBALIZAÇÃO DO CAPITAL,
INTERNACIONALISMO PROLETÁRIO!

VIVA A ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DOS TRABALHADORES




*******
****** Serviço de Notícias A-Infos *****
Notícias sobre e de interesse para anarquistas
******
INFO: http://ainfos.ca/org http://ainfos.ca/org/faq.html
AJUDA: a-infos-org@ainfos.ca
ASSINATURA: envie correio para lists@ainfos.ca com a frase no corpo
da mensagem "subscribe (ou unsubscribe) nome da lista seu@enderço".

Indicação completa de listas em:http://www.ainfos.ca/options.html


A-Infos Information Center