A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Català_ Deutsch_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ All_other_languages _The.Supplement
{Info on A-Infos}

(pt) Chile: Señal 3, uma tevê autogestionária e popular

From "Emilia Cerqueira" <emiliacerqueira@hotmail.com>
Date Mon, 17 Feb 2003 22:55:05 +0100 (CET)


   ______________________________________________________
      A - I N F O S  S e r v i ç o  de  N o t í c i a s
                  http://www.ainfos.ca/
              http://ainfos.ca/index24.html
     ________________________________________________

Chile: Señal 3, uma tevê autogestionária e popular
Señal 3 é hoje uma realidade graças a autogestão e determinação de um
grupo de 30 pessoas, sobretudo jovens, que transmitem durante cinco dias
da semana, por algumas horas, de uma casinha alugada, que também, às
vezes, serve como centro cultural. Essa tevê, entre outras coisas, busca
abrir o cerco informativo no Chile, usando da ação direta, ou seja, eles
mesmos gravando, editando e emitindo suas histórias para e da população
da comunidade de Pedro Aguirre Cerda e Santiago.
Señal 3
É a concretização de uma idéia criada e amadurecida entre os vizinhos
da "Población La Victoria Pedro Aguirre Cerda", que viram na
comunicação, em especial na televisão um espaço e um meio interessante e
atraente, capaz de aproximar as pessoas com suas raízes e histórias.
A idéia original desta televisão popular era estabelecer um meio
alternativo de entretenimento, educação, informação, cultura etc., aos
canais televisivos tradicionais, que, com sua programação deixavam
marginalizadas de representatividade um amplo número de pessoas que
necessitavam dum espaço que lograsse identificá-las com a sua realidade,
história pessoal e coletiva.
Autogestão
Nosso canal de televisão, igualmente como muitas organizações
populares, se materializou mediante a autogeração e autofinanciamento. A
ajuda recebida dos vizinhos foi uma ajuda importante para a aquisição dos
equipamentos e elementos mínimos e básicos de funcionamento.
Começou sua vida na comunidade com muitas carências, alcançando um raio
de transmissão pequeno a nível populacional.
A realidade atual não variou muito desde o seu início, mas ainda assim,
com grandes esforços, hoje temos um raio de transmissão que abarca 80% da
comunidade de Pedro Aguirre Cerda.
Mesmo que nosso equipamento ainda resulte básico e mínimo, têm nos
permitido gerar programas e cultura aos habitantes de um setor de
Santiago, capital do Chile, que não se sentiam representados.
Nós autogestionamos a tevê, vendemos antenas feitas por nós mesmos,
temos bônus de apoio, montamos nosso pequeno stand nas feiras livres,
gravamos aniversários, festas, casamentos e tudo o que se possa gravar, e
assim vamos nos organizando dia-a-dia.
Programação
A programação é de quarta-feira a domingo, com programas ao vivo e
gravados em diferentes horários. Temos programas sobre a juventude,
noticiários, desenho animado, animação japonesa, documentários
políticos... Enfim, tratamos de informar toda a comunidade dos problemas
que existem em todos os lados, seja a pobreza, desemprego, ocupação de
fábricas, prisão políticas etc.
 "Sem" profissionais
Em Señal 3 não integram profissionais da comunicação, somos um grupo
humano rico em idéias e ganas de fazer coisas que a experiência nos há
permitido ir melhorando.
Temos intenções de melhorar nosso canal para dar-lhes uma qualidade
profissional. Isto se poderia dar na medida que os demais nos ajudem de
maneira técnica, econômica e intelectual.
Queremos chegar a concretizar todos os desejos e anseios que integram o
pensamento de quem compõem esta organização. Para isto requeremos ajuda e
cooperação que nos permita considerar que a tarefa está cumprida, ou
melhor, que nos permita começar um novo desafio.
Esperamos que vocês se interessem por essa idéia, conheçam nossa
evolução e nos apóiem com os elementos que necessitamos, nos despedimos
entregando-lhes parte de nossa história.

Agência de Notícias Anarquistas-ANA
No branco polar
urso pra não ser caçado
esconde o focinho
Leila Míccolis



------=_20030217224649_83559
Content-Type: text/html; name="Anexar2.htm"
Content-Disposition: attachment; filename="Anexar2.htm"

<html><div style='background-color:'><DIV>
<P><BR><BR></P></DIV>
<DIV></DIV>
<DIV></DIV>&gt;From: "n.tangerini" <N.TANGERINI@TERRA.COM.BR>
<DIV></DIV>&gt;To: "emiliacerqueira" <EMILIACERQUEIRA@HOTMAIL.COM>
<DIV></DIV>&gt;CC: "asamis" <ASAMIS@UOL.COM.BR>
<DIV></DIV>&gt;Subject: En:Chile: Señal 3, uma tevê autogestionária e
popular  <DIV></DIV>&gt;Date: Mon, 17 Feb 2003 11:46:37 +0000
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;De:Moésio Rebouças
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Para:"Moésio" "Rebouças"
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Cópia:
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Data:Thu, 14 Nov 2002 15:05:40 -0300 (ART)
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Assunto:Chile: Señal 3, uma tevê autogestionária e popular
 <DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Chile: Señal 3, uma tevê autogestionária e popular
<DIV></DIV>&gt;Señal 3 é hoje uma realidade graças a autogestão e
determinação de um grupo de 30 pessoas, sobretudo jovens, que transmitem
durante cinco dias da semana, por algumas horas, de uma casinha alugada,
que também, às vezes, serve como centro cultural. Essa tevê, entre outras
coisas, busca abrir o cerco informativo no Chile, usando da ação direta,
ou seja, eles mesmos gravando, editando e emitindo suas histórias para e
da população da comunidade de Pedro Aguirre Cerda e Santiago.
<DIV></DIV>&gt;Señal 3
<DIV></DIV>&gt;É a concretização de uma idéia criada e amadurecida entre
os vizinhos da "Población La Victoria Pedro Aguirre Cerda", que viram na
comunicação, em especial na televisão um espaço e um meio interessante e
atraente, capaz de aproximar as pessoas com suas raízes e histórias.
<DIV></DIV>&gt;A idéia original desta televisão popular era estabelecer
um meio alternativo de entretenimento, educação, informação, cultura
etc., aos canais televisivos tradicionais, que, com sua programação
deixavam marginalizadas de representatividade um amplo número de pessoas
que necessitavam dum espaço que lograsse identificá-las com a sua
realidade, história pessoal e coletiva.  <DIV></DIV>&gt;Autogestão
<DIV></DIV>&gt;Nosso canal de televisão, igualmente como muitas
organizações populares, se materializou mediante a autogeração e
autofinanciamento. A ajuda recebida dos vizinhos foi uma ajuda importante
para a aquisição dos equipamentos e elementos mínimos e básicos de
funcionamento.  <DIV></DIV>&gt;Começou sua vida na comunidade com muitas
carências, alcançando um raio de transmissão pequeno a nível
populacional.  <DIV></DIV>&gt;A realidade atual não variou muito desde o
seu início, mas ainda assim, com grandes esforços, hoje temos um raio de
transmissão que abarca 80% da comunidade de Pedro Aguirre Cerda.
<DIV></DIV>&gt;Mesmo que nosso equipamento ainda resulte básico e mínimo,
têm nos permitido gerar programas e cultura aos habitantes de um setor de
Santiago, capital do Chile, que não se sentiam representados.
<DIV></DIV>&gt;Nós autogestionamos a tevê, vendemos antenas feitas por
nós mesmos, temos bônus de apoio, montamos nosso pequeno stand nas feiras
livres, gravamos aniversários, festas, casamentos e tudo o que se possa
gravar, e assim vamos nos organizando dia-a-dia.
<DIV></DIV>&gt;Programação
<DIV></DIV>&gt;A programação é de quarta-feira a domingo, com programas
ao vivo e gravados em diferentes horários. Temos programas sobre a
juventude, noticiários, desenho animado, animação japonesa, documentários
políticos... Enfim, tratamos de informar toda a comunidade dos problemas
que existem em todos os lados, seja a pobreza, desemprego, ocupação de
fábricas, prisão políticas etc.  <DIV></DIV>&gt; "Sem" profissionais
<DIV></DIV>&gt;Em Señal 3 não integram profissionais da comunicação,
somos um grupo humano rico em idéias e ganas de fazer coisas que a
experiência nos há permitido ir melhorando.  <DIV></DIV>&gt;Temos
intenções de melhorar nosso canal para dar-lhes uma qualidade
profissional. Isto se poderia dar na medida que os demais nos ajudem de
maneira técnica, econômica e intelectual.  <DIV></DIV>&gt;Queremos chegar
a concretizar todos os desejos e anseios que integram o pensamento de
quem compõem esta organização. Para isto requeremos ajuda e cooperação
que nos permita considerar que a tarefa está cumprida, ou melhor, que nos
permita começar um novo desafio.  <DIV></DIV>&gt;Esperamos que vocês se
interessem por essa idéia, conheçam nossa evolução e nos apóiem com os
elementos que necessitamos, nos despedimos entregando-lhes parte de nossa
história.  <DIV></DIV>&gt;Agência de Notícias Anarquistas-ANA
<DIV></DIV>&gt;No branco polar
<DIV></DIV>&gt;urso pra não ser caçado
<DIV></DIV>&gt;esconde o focinho
<DIV></DIV>&gt;Leila Míccolis
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;
<DIV></DIV>&gt;Yahoo! GeoCities
<DIV></DIV>&gt;Tudo para criar o seu site: ferramentas fáceis de usar,
espaço de sobra e acessórios.  <DIV></DIV></div><br clear=all><hr>MSN
Messenger: converse com os seus amigos online. <a
href="http://g.msn.com/8HMGBR/2746";>Instale grátis. Clique aqui.</a>
</html> ------=_20030217224649_83559--




*******
                                ********
            ****** Serviço de Notícias A-Infos *****
         Notícias sobre e de interesse para anarquistas

                                ******
                 ASSINATURAS: lists@ainfos.ca
                 RESPONDER: a-infos-d@ainfos.ca
                 AJUDA: a-infos-org@ainfos.ca
                 WWW: http://www.ainfos.ca/org
                 INFO: http://www.ainfos.ca/org

Para receber a-infos numa língua apenas envie para lists@ainfos.ca
 a mensagem seguinte:
                    unsubscribe a-infos
                    subscribe a-infos-X
onde X=  pt, en, ca, de, fr, etc. (i.e. o código de idioma)

A-Infos Information Center