A - I n f o s
a multi-lingual news service by, for, and about anarchists **

News in all languages
Last 30 posts (Homepage) Last two weeks' posts

The last 100 posts, according to language
Castellano_ Català_ Deutsch_ English_ Français_ Italiano_ Polski_ Português_ Russkyi_ Suomi_ Svenska_ Türkçe_ All_other_languages _The.Supplement
{Info on A-Infos}

(pt) AIT_APELA_POR_SOLIDARIEDADE_À_INICIATIVA_DOS TRABALHADORES_DA_POLÔNIA

From "profosp" <profosp@bol.com.br>
Date Mon, 23 Dec 2002 07:54:40 -0500 (EST)


   ______________________________________________________
      A - I N F O S  S e r v i ç o  de  N o t í c i a s
                  http://www.ainfos.ca/
              http://ainfos.ca/index24.html
     ________________________________________________



 (Seção de IWA/AIT & Amigos)

POR FAVOR DIVULGAR O MAIS AMPLAMENTE POSSÍVEL!

Queridos camaradas, Saudações. 

           Por favor DIVULGUE um relatório abreviado 
emitido pelos camaradas da “Iniciativa de Trabalhadores 
em Polônia”. Qualquer apoio que você ou sua organização 
puderem proporcionar seriam apreciadas. O endereço para 
contatos diretos e para onde enviar fundos segui ao 
final da mensagem. 
@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@
De: cube@zigzag.p

          O objetivo do “Fundo de Solidariedade” é 
extremamente simples: dar uma pequena ajuda financeira 
onde não houver outras fontes de ajuda e cobrir algumas 
despesas em vezes de campanhas (durante greves ou 
repressões relacionadas com local de trabalho e ação 
direta dos trabalhadores). Os recursos são levantados 
por membros de “Iniciativa dos Trabalhadores” por toda a 
Polônia durante conflitos, nós também podemos apelar 
para outras fontes, por doações temporárias. Financiando 
os fundos levantados em função de:
 
a) despesas envolvidas em manter (greve) ações tal como 
doações a trabalhadores para despesas que eles não podem 
conseguir cobrir, ou para outras despesas médicas/legais 
incorrido durante ações de greve; 
b) alimentos ou outras necessidades básicas necessárias 
pelas pessoas que perderem seus trabalhos, 
particularmente se o perderam como resultado de ativismo 
ou iniciativas em campanhas, como um resultado de 
sabotagens; 
c) para cobrir custos de transporte durante campanhas 
mais longas em casos onde grupos de ação local possam 
não ter recursos para viajar e onde sua ajuda é 
essencial. 

A CAMPANHA EM OZAROW - POR QUÊ NÓS QUEREMOS AJUDAR E 
COMO VOCÊ TAMBÉM PODE 

         Ozarow é uma cidade pequena próxima a Warsaw
(Varsóvia) com uma indústria como principal fonte de 
emprego: uma ex-fábrica estatal de cabos condutores 
especiais privatizada pela Telefonika. A Telefonika é um 
grande produtor de cabo que está presente em muitos 
mercados estrangeiros e atualmente tenta expandir sua 
parte de mercado no estrangeiro. É dominada por Cupiala 
de Boguslaw, o sexto homem mais rico em Polônia, valor 
1.7 bilhões de dólares. .. 

          O Cupiala ordenou o fechamento da fábrica na 
primavera; os trabalhadores em Ozarow estiveram em greve 
de ocupação ativa por 8 meses, contra o fechamento. 
Alguns deles gastaram noites pela fábrica em vigílias 
sob temperaturas abaixo de zero. A maioria deles não 
teve nenhuma renda por quase um ano. 

          Em 26 de novembro, depois de sete meses de 
protesto, na tentativa de impedir que a companhia 
removesse todo equipamento da fábrica e transportasse 
ele para outra parte, Cupiala chegou com uma companhia 
privada de segurança, a “IMPELE” (que aparentemente 
também tinha empregados russos e camaradas da Ucrânia, 
além dos thugs normais), para retirar os trabalhadores e 
levar para longe o equipamento. Os trabalhadores foram 
brutalmente atacados. A polícia não só não interveio, 
como deteve os trabalhadores, particularmente os mais 
combativos. Isto naturalmente ocorreu no meio da noite.

          Por volta das 9:00 hs da manhã, o povoado 
tinha sido mobilizado e foram armados bloqueios nas ruas 
e estradas. A polícia e autoridades começaram a 
mobilizar as esquadras de anti-revolta. O que seguiu, em 
cenas mostradas por todo o país, verdadeiramente 
chocavam; mulheres que tentavam organizar a 
Desobediência Civil, quer por bloquear as estradas ou  
falar, foram espancadas com cassetetes pela polícia. 
Alguns trabalhadores foram detidos e alguns 
hospitalizados. Um foi estrangulado com um cassetete até 
cair inconsciente. 

          Os dias que se seguiram foram com as mesmas e 
muitas confrontações. O ponto baixo de brutalidade da 
polícia veio quando as esquadras policiais revistaram a 
creche local, onde as crianças dos trabalhadores 
estavam, traumatizando as crianças. Sob o pretexto de 
que os trabalhadores supostamente faziam e escondiam 
coquetel-molotov na creche! Como puderam ir tão baixo? 

          Durante meses eles atacaram os trabalhadores, 
acusando-os de egoístas e que seu protesto tinha custado 
o dinheiro da companhia e que outras pessoas perderiam 
seus trabalhos por causa deles. Eles tentaram jogar 
trabalhador contra trabalhador. Contaram que os 
trabalhadores de Ozarow  tinham acabado de ir a Varsóvia 
procurar trabalho em vez de criar problemas e divulgaram 
à imprensa que os trabalhadores de Ozarow tiveram uma
boa chance de achar emprego, ao contrário dos trabalhos 
potenciais perdidos em Bydgoszcz e Szczecin, onde há
desemprego realmente alto e que essas eram prova de que 
trabalhadores de Ozarow eram egoísta e podiam ter 
cuidado sobre o destino de trabalhadores em lugares 
menos afortunados. Tudo mentiras de propaganda! 

          Embora haja muita compaixão para estas pessoas 
em Polônia, os criadores públicos de opinião foram bem 
eficientes em suas campanhas contra os trabalhadores. O 
Cupiala é uma pessoa poderosa e não há nenhuma crítica, 
por menor que seja, dele na imprensa. 

          É portanto extremamente importante que estas 
lutas continuem e creçam em força em Polônia e é 
importante, especialmente quando os sindicatos podem ser 
manipuladas pelos patrões e pela grande imprensa. Apesar 
disso há algum apoio público para estas ações e a 
informação alternativa está disponível. 

          Os mais de 50 trabalhadores de Ozarow podem 
encarar processoss legais; muitos deles nunca tinha tido 
qualquer problemas com a polícia antes e, talvez 
ingenuamente, acreditam que nada irá acontecer aos 
acusados de esconder coquetel de molotov, etc.. (Nós 
certamente esperamos as autoridades sejam compassivas, 
mas tendemos a nos preparar para o pior). Desde que 
vieram a nossa atenção os trabalhadores não souberam 
coisas simples regulares (como nao assinar confissões, 
não conversar, reconhecer números de identificação nos 
distintivo policiais. ..), nós tentamos receber e passar 
informação a eles sobre direitos legais. Gostaríamos de 
estar numa posição de ajudar em caso de julgamentos. 

          Pedimos as pessoas portanto que  divulguem 
esta informação por toda parte. Há informação também 
disponível na internet e mais seguirá. Se qualquer 
pessoa no estrangeiro gostaria de mostrar solidariedade 
com esta ação para fazer uma doação, nós podemos garanti-
lo que este tipo de apoio internacional desde baixo será 
bem apreciado. Podemos aceitar doações por transferência 
de banco ou por cheques em dólares ou euros tirados 
sobre nossas contas. 

Para maiores informações, contato de favor por Laure de:
- paspartoo@go2.pl
 
de Katarzyna: 
- cube@zigzag.pl, 
ou a
ABC de Polônia.


www.okpinfo.prv.pl Pages of Polish Protest Committee. 
Feito pelos camaradas do
@Ytrans.
@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@
Tradução "Coletivo Capa Negra". 


*******
                                ********
            ****** Serviço de Notícias A-Infos *****
         Notícias sobre e de interesse para anarquistas

                                ******
                 ASSINATURAS: lists@ainfos.ca
                 RESPONDER: a-infos-d@ainfos.ca
                 AJUDA: a-infos-org@ainfos.ca
                 WWW: http://www.ainfos.ca/org
                 INFO: http://www.ainfos.ca/org

Para receber a-infos numa língua apenas envie para lists@ainfos.ca
 a mensagem seguinte:
                    unsubscribe a-infos
                    subscribe a-infos-X
onde X=  pt, en, ca, de, fr, etc. (i.e. o código de idioma)


A-Infos Information Center